-->

PUB

PUB

Publicada por / sexta-feira, 10 de outubro de 2008 / 5 Comments /

[POST-IT]: PAGO PARA VER

RUI CARTAXANA, conhecido jornalista desportivo e actual cronista do RECORD, não gosta da "LIGA DOS ÚLTIMOS", mítico programa da RTPN. É a sua opinião, tem direito a ela. Mas o senhor vai mais longe e chega ao ponto de afirmar que o dinheiro dos nossos impostos não deveria ser gasto neste "exercício de extremo mau gosto, com uma pretensa visão humorística de um zé-povinho bronco de aldeias que já não existem" (a sério? não existem?). Ó Sr. Cartaxana, não fale por mim nem pelos meus impostos. Fique a saber que se há programa, na televisão pública, onde não me importo de ver gasto o dinheiro dos meus impostos, esse programa é precisamente a "Liga dos Últimos". Por uma razão muito simples: considero a "Liga dos Últimos" um dos melhores programas de televisão produzidos em Portugal nos últimos anos. Um destes dias, quando tiver tempo, se fizerem muita questão, eu explico porquê.
O que me dói (e muito, acreditem) é ver o dinheirinho dos meus impostos ser derretiido em programas como "A MINHA GERAÇÃO", apresentado pela Catarina Furtado, que recicla modelos televisivos retrógrados e parolos, que faziam sentido na televisão pública de há 20 ou 30 anos atrás. Esse sim, é o tipo de programa que envergonha o canal do estado e sobre o qual o Sr. Cartaxana devia perder o seu tempo a dissertar. Isto é, se não tiver nada mais importante para fazer...

Share This Post :
Tags :

5 comentários :

miguel disse...

Assino por baixo.
Não percebo esta onda de revolta que se ergueu perante a liga dos últimos, que é sem dúvida alguma o melhor programa desportivo português. Só quem não compreende a realidade do futebol da regional é que pode ser contra algo assim. As dificuldades, o anonimato, o convívio e é claro os cromos que divertem e fazem rir toda uma série de gente que ainda não abdicou do bairrismo. Aquele é o Portugal real, aquele que existe fora de Lisboa, e eu posso dizer isto pois moro num concelho que já apareceu várias vezes nesse programa. Eu próprio joguei nesses clubes e contra esses clubes. E digo que não há coisa mais genuína do que aquilo. A verdade é que o pessoal de Lisboa parece ter esquecido como começou e como ainda hoje é conhecido o maior clube português (refiro-me ao Benfica, claro), o clube do povo. E os jornalistas que pensam que isto só acontece nos pequenos clubes, que coloquem os olhos na Taça de Portugal.
E Astronauta só um reparo, bem mais inútil que "A minha geração", é o programa que dá pelo nome de "Só Visto" e um outro que dá pelo nome de "Top +" ditos programas de entretimento. O Top + é na realidade um poço de mediocridade, que coloca dois marmanjos em frente a uma câmara que não têm nenhum jeito para apresentar seja o que for e que bem podem agradecer a "padrinhos" para ali estarem.

Saudações cósmicas

P.S.: Peço desculpa por estar a generalizar ao dizer "o pessoal de Lisboa", coisa que não tenho por hábito, mas apenas digo isso pois parece ser onde se encontra o grande foco da discórdia.
Aliás já ouvi bastantes opiniões de pessoas da nossa bela capital a favor da Liga dos Últimos.

carlos disse...

Há alguns meses (na altura em que começou a dar na RTP1) houve um programa da Antena 2 (agora não me lembro do nome) que dá aos domingos de manhã com a Maria João Seixas, Inês Pedrosa e Vicente Jorge Silva em que o programa foi bastante elogiado. Por isso não é necesário o aval do RC quando a RTP (e a RDP) desperdiçam o dinheiro em idas a Manchester e a London (Chelsea). O LDU deve mais à criatividade do que ao esbanjar de euros.

O Astronauta disse...

Miguel,

concordo em pleno contigo.
Também eu conheço muito bem essa realidade, até porque ainda cheguei a dar uns chutos na bola num desses clubes "castiços" que nascem em cada terrinha deste país. Para mais, sendo a minha família natural de uma pequena aldeia da Beira-Baixa, identifico-me bastante com algumas das situações e alguns dos cromos que aparecem no programa. Ao contrário de algumas sumidades burguesas que por aí andam, eu sei que a "Liga dos Últimos" é um programa REAL. E por muito que haja quem pretenda ignorar essa realidade e não goste de ser ver ao espelho, aquele é, de facto, o "país real".
Na zona da grande-Lisboa também há muitos desses clubes..."peculiares". Como disse, eu próprio joguei num deles, aqui na margem-sul.
Há sempre que critique tudo por qualquer razão. Críticas essas, na maioria das vezes, absurdas e mal fundamentadas. Muitos dos que criticam programas como a "Liga dos Últimos" são os mesmos que depois se sentam em frente à televisão a vibrar com as figuras tristes e deprimentes que alguns idiotas fazem em programas como "O Momento da Verdade". Não há pachorra...

Quanto a programas como o "Top+" e o "Só Visto", apenas reflectem o estado da nossa televisão: saloia, desinteressante e sem ideias.

Abraços

Anónimo disse...

Subscrevo o que aqui foi dito.

Gastam dinheiro dos meus impostos com touradas e no entanto sou contra touradas.

Jorge
Leça da Palmeira

Shumway disse...

Plenamente de acordo.
"Liga dos Últimos" é puro entretenimento.

Abraço

PLANETA POP | RADAR 97.8

  • SÁBADOS | 23h-01h
  • DOMINGOS (repetição) | 15h-17h
  • SEXTAS-FEIRAS (repetição) | 23h-01h

POSTO-DE-ESCUTA

ARQUIVO:

DIREITOS

Creative Commons 

License