-->

PUB

PUB

Publicada por / quarta-feira, 21 de novembro de 2012 / 9 Comments /

Post-It | 8 ANOS EM ÓRBITA

Na passada sexta-feira, dia 16, o PLANETA POP completou 8 anos de existência. 
Para assinalar a data, em baixo, recupero excertos de um texto que aqui publiquei há cerca de um ano a propósito do 7º aniversário deste estaminé. Fiz alguns ajustes, editei alguns parágrafos, acrescentei algumas ideias, mas a essência do texto é a mesma. Reflecte o mesmo sentimento. Aqui fica.


"Oitos anos na blogosfera é muito tempo. Uma eternidade, dirão alguns. Basta lembrar que quando o Planeta Pop nasceu não havia Facebook, YouTube, Twitter, iPhones, iPads...
Confesso que não consigo explicar como me tenho mantido por cá durante tanto tempo, uma vez que alimentar este blogue é uma tarefa cada vez mais exigente e complicada. E não me refiro apenas à habitual escassez de tempo, pois essa contingência sempre existiu e nunca me impediu de manter este espaço vivo. O problema é que há, cada vez, menos música (nova) sobre a qual me sinto motivado a escrever. Esse sim, um problema sério. Começa a faltar-me assunto. E sem assunto, um blogue morre. 

Reparem, o Planeta Pop não é, nem nunca ambicionou ser um blogue "generalista", desses sem critério e que vão a todas. 
Pelo contrário. 
Desde o primeiro post que o Planeta Pop estabeleceu uma identidade própria. E uma regra básica, mas que continua inviolável: sendo este um blogue pessoal, aqui apenas escrevo sobre a música que gosto. Tão simples como isso. Não escrevo a pedido, por simpatia e, muito menos, por frete. A este espaço apenas trago a música que me entusiasma, comove, provoca arrepios e me faz ferver o sangue. O resto não me interessa. Ignoro.

A questão é que - como referi atrás - há cada vez menos música que tenha em mim esse efeito. Talvez seja da idade, não sei... Afinal, já vivi 3 décadas de Pop, vi "hypes" nascerem e morrerem, "modas" passarem de moda, sonoridades tornarem-se datadas, bandas idolatradas pelo público e pela crítica caírem no esquecimento, discos apelidados de obra-primas tornarem-se irrelevantes... Sinto que cheguei a um ponto em que já pouco me surpreende e me arrebata. Mas quando isso (ainda) acontece...é mágico! E essa é uma sensação que gosto de partilhar. A boa música merece/deve ser partilhada. Esse continua a ser o propósito deste blogue, a sua principal razão de existir. Pelo que, enquanto houver disponibilidade e boa música para partilhar, o Planeta Pop continuará em órbita." 


Obrigado pela vossa resistência.

Voltem sempre.

Share This Post :
Tags :

9 comentários :

Juliano Silveira disse...

Caro Paulo,

Parabéns pelo aniversário do blog! Acesso sempre que recebo feed de novas postagens, é uma grande referência musical para mim. Entendo o quanto é difícil manter um blog no ar, também tenho o meu, mas sei que é muito gratificante e prazeroso quando temos um resultado tão positivo assim meio a tantas coisas chatas existentes na blogsfera. Espero poder contar com este espaço hoje e sempre!

Abraços!

Cath Quelque Chose disse...

Ainda bem que continua em órbita. Algumas das minhas lembranças mais remotas de visitar o blog são dos Editors e a Robyn com um video muito simples do "With every heartbeat".

Obrigada pela partilha :)

Paulo Galindro disse...

Olá Paulo... não me conheces, mas eu sinto que te conheço. Porque uma das formas mais eficazes de conhecer alguém é através daquilo que a faz vibrar nas artes em geral, e na música em particular. O meu nome é Paulo Galindro, e como amante incondicional da música, sou um seguidor fervoroso do teu blogue, que neste momento já é um puto com 8 anos. Os blogues continuam a ser uma forma de comunicação. Eu próprio tenho um que alimento com tudo o que faço e amo. Na minha humilde opinião, o facebook está para os blogues como o fast-food está para a gastronomia gourmet. Também eu tenho uma conta no facebook, e sei por experiência própria que são dois públicos-avos muito diferentes, sem desmérito de qualquer um deles.
Quanto ao teu gosto musical, que viaja à velocidade da luz aqui no blogue e à velocidade do som na Radar, deixa-me que te diga que é muito bom. Muito bom mesmo. A música que seleccionas (muitas das coisas conheço, outras são pequenas grandes descobertas) tem qualquer coisa de etéreo, ambiental, atmosférico, mas simultaneamente épico, poderoso, grandioso e sinfónico. O que é dizer muito de música pop. É de facto, cada vez mais dificil me deparar com música que me deixe muito... uplifting. E não é necessariamente da falta de qualidade das bandas que por aí andam. O que acontece é que, com a idade,com a consciência de que o tempo que nos resta afinal não é eterno, vamos ficando mais criteriosos quanto à forma como vamos gastar esse tempo tão limitado. Tem MESMO de valer a pena, o que é cada vez mais raro. Mas quando vale MESMO a pena, pode ser uma epifania. E no teu programa, são muito esses momentos.

Um muito obrigado por essa experiência, e parabéns, uma vez mais, pelo aniversário do teu "puto".

Paulo Galindro
Abraço

Paulo Galindro

Rui Raposo disse...

Parabéns ao PP.

Espero que haja energia e boa música para continuar a passar por este excelente cantinho.

Obrigado ;)

Paulo Garcia disse...

Obrigado, Juliano.
Isto "dói", mas sabe bem ;)
Um grande abraço.

Paulo Garcia disse...

Olá Cath,
eu é que agradeço a visita.
Editors e Robyn...sim, ambos fazem parte da infância do Planeta Pop...eheh...

Volte sempre :)

Paulo Garcia disse...

Olá Paulo,

disseste uma grande verdade: "...o facebook está para os blogues como o fast-food está para a gastronomia gourmet...".
Ora, nem mais. Nunca tinha visto as coisas nesses termos, mas penso exactamente o mesmo. Essa é uma das razões porque nunca fechei o blogue e fixei residência apenas no facebook, como muitos fizeram. E sim, também concordo que são dirigidos a públicos muito diferentes, embora o facebook funcione como uma boa porta de entrada e de promoção para o próprio blogue.

Paulo, obrigado pelas tuas palavras. É por leitores como tu que ainda vale a pena andar aqui.
Um grande abraço

Paulo Garcia disse...

Obrigado, Rui.

Como é que é, há confiança para o novo disco dos DM?

Abraço

Rui Raposo disse...

Confiança para o próximo de DM?
Depois de SOTU (para mim o pior deles) as expetativas estão muito baixas.
Pela primeira amostra, a inacabada "Angel of love" a coisa não promete muito. Aguardamos pelo resultado final ;)

Vale-nos a visita do mestre AW logo em @ Guimarães.

Abraço

PLANETA POP | RADAR 97.8

  • SÁBADOS | 23h-01h
  • DOMINGOS (repetição) | 15h-17h
  • SEXTAS-FEIRAS (repetição) | 23h-01h

POSTO-DE-ESCUTA

ARQUIVO:

DIREITOS

Creative Commons 

License